quarta-feira , 16 junho 2021
Capa » Notícias » Quais os principais erros da lubrificação industrial?

Quais os principais erros da lubrificação industrial?

Luiz Maldonado, CEO da Lubvap, distribuidora de soluções de lubrificação, destaca pontos a serem observados na hora de escolher um lubrificante

A operação industrial se dá por intermédio de máquinas e equipamentos que, para atender a demanda do mercado, ficam em constante funcionamento. Sem o papel fundamental dessa engrenagem, a produção é impactada, bem como toda a cadeia que se beneficia da indústria. Levando em consideração a relevância dos ativos, precauções devem ser tomadas a fim de garantir a integridade de seus componentes mecanizados.

Toda máquina industrial necessita, por obrigação, de sistema de lubrificação. Esta ação representa menos de 5% de insumos dentro de um mundo industrial, mas a falta de atenção ou má escolha de lubrificantes pode impactar de forma negativa, causando prejuízos, como o desgaste prematuro em itens de movimentação.

O papel da lubrificação industrial vai além de apenas amenizar o atrito entre peças móveis, ele também age na regulagem da temperatura, rotação, suporte de cargas, elevadas, pressão e é responsável pelo impedimento de corrosão e oxidação dos componentes internos do maquinário.

Sabendo que descuidos com a limpeza e escolhas equivocadas de lubrificantes convencionais, podem impactar de forma negativa, como a quebra de máquinas e paradas inesperadas na linha de produção, Luiz Maldonado, CEO da Lubvap e especialista em lubrificação industrial separou alguns erros comuns que devem ser evitados.

  1. Falta ou excesso de lubrificante

As duas situações podem, eventualmente, resultar em danos nos ativos. A ausência de lubrificação ou a quantidade inadequada não ajuda o equipamento cumprir seu propósito e pode danificá-lo, causando falhas na operação. Por isso é essencial que o responsável pela manutenção recorra ao manual para verificar a lubrificação correta e a um especialista para entender qual a necessidade da sua operação.

  1. Limpeza insuficiente do equipamento

É preciso enfatizar a importância de um planejamento para os maquinários da indústria. O suporte de um especialista nesses casos vai estipular a periodicidade da limpeza, de acordo com as condições operacionais do equipamento, material que ela processa, a carga, a temperatura, a rotação e a intensidade do uso.

  1. Escolha de lubrificantes inadequados

“É preciso entender que não existe um lubrificante universal, pois cada equipamento necessita de um produto específico para o seu funcionamento. E para realizar um serviço de qualidade, o estudo de caso é de suma importância para um plano de lubrificação adequado”, enfatiza o especialista.

A escolha de lubrificantes inadequados para os equipamentos ocorre, geralmente, por falta de conhecimento do time de manutenção ou pela busca de preços baixos, que é uma característica de lubrificantes convencionais. E essa economia acaba saindo caro futuramente.

“O melhor sistema de controle dos conjuntos lubrificados é a manutenção preventiva. O apoio técnico de especialistas e fornecedores de lubrificantes especiais, garante o desempenho e o aumento de vida útil de qualquer máquina”, finaliza Maldonado.

Sobre a Lubvap

A Lubvap (www.Lubvap.com.br), empresa de distribuição com mais de 15 anos no mercado de soluções de lubrificação, localizada na cidade de São José dos Campos, estado de São Paulo, atua em todo o Brasil, com uma equipe de especialistas técnicos, que atende todos os segmentos da indústria brasileira com Lubrificantes Especiais de Alta Performance; Lubrificadores Automáticos; Desengraxantes Biodegradáveis, aprovados pela Anvisa; e Soluções em Limpeza industrial e (solventes e desengraxantes).

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*