terça-feira , 31 março 2020
Capa » Notícias » Cozinha e supermercado: saiba como evitar a contaminação dos alimentos pelo coronavírus

Cozinha e supermercado: saiba como evitar a contaminação dos alimentos pelo coronavírus

É sabido que a imunidade é prejudicada com uma dieta irregular e, ao mesmo tempo, higienizar adequadamente os produtos também é fundamental.

Com o recolhimento domiciliar aconselhado por autoridades de saúde devido à pandemia do coronavírus, muita coisa muda na rotina e provoca transformações, principalmente com a necessidade de incorporação de novos hábitos. Cuidar da alimentação e manipular corretamente os alimentos é um deles. É sabido que a imunidade é prejudicada com uma dieta irregular e, ao mesmo tempo, higienizar adequadamente os produtos também é fundamental. Ir ao supermercado ou para quem não pode evitar a saída de casa são atividades que agora merecem atenção.

“Sabemos que o meio de contágio do coronavírus é pelo contato com fluidos contaminados e, depois, levar as mãos às mucosas, como boca, olho e nariz”, diz o nutrólogo Guilherme Mattos. Nos mercados, com o entra e sai de gente manuseando os itens nas prateleiras, é preciso cautela. O mesmo vale na volta das feiras de rua. “São ambientes de grande circulação de pessoas em contato constante com os alimentos. A pessoa encosta, avalia o que vai levar, por exemplo. É um meio contaminado, tanto em relação aos produtos quanto ao espaço físico”, orienta.

Ao chegar das compras, Guilherme ensina que a primeira atitude é higienizar as superfícies da cozinha onde serão manipulados ou guardados os alimentos, como bancada, pia, a despensa. “Pode ser com água e sabão ou o álcool em gel.” Também é essencial limpar os produtos, usando álcool em gel. Para alimentos embalados, industrializados, seja uma caixa de leite, um pacote de macarrão ou enlatados, um pano com álcool em gel 70% pode ser passado na embalagem. Produtos em recipientes bem vedados podem ser lavados diretamente embaixo da torneira.

O nutrólogo explica que, para hortaliças, frutas, verduras e legumes, a higiene pode ser feita primeiro com água corrente, depois colocá-los imersos em uma solução com água sanitária (uma colher de sopa para um litro de água, respeitando a proporção de 1 por 1, se for preciso uma quantidade maior), durante 15 minutos, e após esse tempo lavar novamente em água corrente e deixar secar naturalmente. “Se for consumir em seguida, já está pronto para a ingestão. Se não, é indicado guardar na geladeira em recipientes com tampa”, explica. Neste caso, o mercado também dispõe de produtos específicos para matar não apenas o novo coronavírus, como qualquer tipo de vírus, germes ou bactérias.

Protocolos

Para quem vai para a cozinha preparar a comida, é indicado lavar as mãos quando ocorrer o contato com novos ingredientes – ainda que o calor do cozimento possa inativar o vírus, ele pode permanecer na pele e contaminar alimentos crus ou gelados. A higienização das mãos, acrescenta Guilherme, deve seguir os protocolos indicados pelo Ministério da Saúde.

Como minimizar os riscos

Confira as dicas dos profissionais para as compras no supermercado e preparação dos alimentos:
>> No mercado, mantenha a distância recomendada de 1 metro entre as pessoas.
>> Enquanto estiver fazendo as compras, não leve a mão ao rosto, nariz, olhos ou boca.
>> Depois de guardar as compras no porta-malas do carro, limpe as mãos com álcool em gel e se possível limpe também o volante e o banco do veículo.
>> Ao chegar em casa faça logo a higienização de superfícies e dos alimentos. Pacotes de alimentos industrializados como arroz, feijão e macarrão devem ser limpos com um pano com álcool em gel. Também serve água e sabão.
>> Produtos em recipientes vedados, como os enlatados, por exemplo, podem ser limpos embaixo da torneira, com água e sabão.
>> Alimentos in natura, como frutas, legumes, verduras e hortaliças, devem ser higienizados com água sanitária, uma colher de sopa para cada 1 litro de água. Mergulhe os alimentos e deixe por cerca de 15 minutos. Depois, lave novamente em água corrente. Alguns mercados já vendem o produto pronto, como o hipoclorito de sódio, que funciona da mesma forma.
>> Alimentos com e sem casca também devem ser lavados dessa forma. Se forem conservados na geladeira e longe do contato com produtos não higienizados, é suficiente fazer esse processo uma única vez.
>> Quando chegar da rua, tome banho e coloque as roupas sujas e o calçado para lavar.
>> Evite contato com quem está infectado, como almoçar juntos ou dividir pratos, copos e talheres.

>> Lave bem as mãos antes de limpar os alimentos e antes de comer, as palmas, o dorso, os pulsos, as pontas e entre os dedos. Essas medidas podem ser ineficazes se a mão de quem manipula os alimentos não estiver limpa.

Fonte: Estado de Minas

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*