sexta-feira , 6 dezembro 2019
Capa » Notícias » Blockchain ajuda a identificar alimentos sem glúten para pessoas celíacas

Blockchain ajuda a identificar alimentos sem glúten para pessoas celíacas

BlockBear se une à IBM Food Trust para auxiliar pessoas com doença celíaca, assegurando o consumo de produtos que não prejudicam sua saúde.

A BlockBear, empresa especializada em tecnologia Blockchain e IoT na nuvem que desenvolve aplicativos para rastreabilidade e eficiência da cadeia de suprimentos do agronegócio, juntou-se à IBM Food Trust, um ecossistema global baseado em blockchain, para incorporar a rastreabilidade de produtos sem glúten em parceria com a Associação Celíaca do Uruguai.

A doença celíaca é uma condição do sistema imunológico em que as pessoas não podem consumir glúten porque danifica o intestino delgado. O glúten trata-se de uma proteína que existe no trigo, cevada e centeio e também pode ser encontrada em vitaminas, suplementos, produtos para cabelos e pele, creme dental e bálsamos para lábios, entre outros. Estima-se que uma em cada 100 pessoas possa ser celíaca, embora apenas 10% delas saibam que têm a doença.

Utilizando esta solução, a BlockBear incorporará a tecnologia blockchain para compartilhar seletivamente informações importantes sobre a origem e os componentes de produtos alimentícios distribuídos no país e internacionalmente, para garantir que pessoas com doença celíaca e outros distúrbios digestivos derivados tomem uma decisão informada ao hora de comprar produtos sem glúten.

“A solução baseada na IBM Food Trust não apenas agrega valor aos próprios consumidores, mas também é um diferencial para as empresas produtoras e exportadoras, pois certifica o processo de ponta a ponta, desde matéria-prima, produção, distribuição até o ponto de venda, no Uruguai ou no exterior”, afirma Luis Eirea, gerente de desenvolvimento de negócios da BlockBear. “Além disso, gera valor aos pontos de venda que têm especial foco no comércio de produtos de qualidade, autênticos, em boas condições e que desejam gerar uma experiência superior para o consumidor final”.

O uso da IBM Food Trust conecta com segurança os dados de toda a cadeia de suprimentos do ecossistema com confiança e transparência a cada ponto da cadeia. E, o mais importante, os consumidores finais podem confiar nos produtos que compram e comem enquanto os produtores minimizam desperdícios, fraudes e muito mais.

“IBM Food Trust fornecerá mais segurança e transparência em todas as transações realizadas pela BlockBear com qualquer um de seus stakeholders e consumidores finais, garantindo a rastreabilidade dos produtos em cada ponto da cadeia”, afirma Martin Hagelstrom, Líder da Blockchain para a IBM América Latina. “Isso é essencial para produtos que podem ser consumidos por pessoas com doença celíaca, porque rastreia a origem e as etapas que o produto percorreu ao longo da cadeia alimentar, assegurando que sejam alimentos realmente sem glúten sem afetar a saúde das pessoas”.

O plano da BlockBear é estender essa solução para outros países da América Latina e para outros segmentos de mercado. Em particular, para segmentos que têm interesse e valor especiais, sabendo exatamente o que estão consumindo, como produtos para diabéticos, veganos, orgânicos e consumidores em geral que exigem qualidade, segurança e querem conhecer a origem do que consomem.

Sobre a IBM Brasil

Somos uma empresa de pessoas que estão transformando o mundo em um lugar melhor para todos, cocriando o futuro das empresas, governos e da sociedade por meio do forte investimento em pesquisa, pelo uso da inteligência artificial e tecnologias disruptivas. Há mais de 100 anos no País, temos impactado a vida de milhões de brasileiros, sempre colocando em primeiro lugar a transparência, segurança, privacidade e confiança dos dados. Nossa missão é ser protagonista da reinvenção digital das empresas e da sociedade e, para isso, democratizamos o acesso às mais importantes tecnologias, com Watson, blockchain, segurança e IoT, disponíveis na nuvem.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*